Ayrton Vignola/AE
Ayrton Vignola/AE

Zoológico ganha arena cultural e laboratórios

Arena terá capacidade para 300 pessoas e complexo laboratorial servirá para tratar do bem-estar e da reprodução dos animais

Edison Veiga, O Estado de S.Paulo

25 de abril de 2013 | 02h08

SÃO PAULO - O Zoológico de São Paulo, na zona sul da capital, inaugura na manhã desta quinta-feira, 25, dois espaços: uma arena cultural e um complexo laboratorial. No total, foram investidos mais de R$ 4 milhões - uma composição de verbas do governo do Estado, da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), do próprio Zoológico e de empresas patrocinadoras.

A arena cultural, com capacidade para 300 pessoas, servirá para apresentações de teatro, musicais e outras atividades, como oficinas de artes. "De início, as atividades acontecerão por meio de espetáculos do Programa de Ação Cultural (ProAC), da Secretaria de Estado da Cultura", afirmou em nota a Secretaria de Estado do Meio Ambiente. "No futuro, com a finalização do espaço Vida de Bicho, a arena terá atrações didáticas com animais."

Já o complexo laboratorial será vinculado ao Centro de Conservação da Fauna Silvestre do Estado. "Garantirá bem-estar, saúde e reprodução dos animais do Zoo", esclarece a secretaria. Será formado por três laboratórios complementares: um de análises clínicas, outro de microbiologia aplicada e o de biologia molecular.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.