Vizinha se oferece até para ajudar a pagar a multa

O envolvimento dos vizinhos na tentativa de evitar o fechamento do shopping pode ir além da relação comum entre clientes e lojas. A viúva Camila Soffer, de 67 anos, é um exemplo. Vizinha do Pátio Higienópolis há mais de 40 anos, ela não imagina sua vida social longe dali.

O Estado de S.Paulo

06 Julho 2012 | 03h02

Com sotaque carregado, Camila diz ter sido uma das únicas pessoas a assinarem a petição favorável à criação do shopping no passado. "Hoje eu venho para almoçar, fazer compras, encontrar as pessoas. Se fecharem o shopping, o que os velhos vão fazer?"

Ao lado de várias amigas, todas libanesas como ela, Camila afirma não acreditar que o fechamento ocorra de fato. "Eles vão dar um jeito, não é possível. Se precisarem, posso até dar um dinheiro para ajudar a pagar a multa", diz, rindo. /J.D.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.