Vítima de violência terá cirurgia plástica gratuita

Segundo ONG, 600 mulheres deverão ser atendidas por ano em hospitais públicos

O Estado de S.Paulo

03 de outubro de 2013 | 02h07

Mulheres vítimas de violência doméstica em São Paulo poderão ligar para o número 08007714040 em busca de cirurgias plásticas reparadoras. O projeto, que começou nessa quarta-feira, 2, foi idealizado pela organização não governamental The Bridge Global, em parceria com a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP).  As cirurgias serão em hospitais públicos, custeadas pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Segundo a ONG, 600 mulheres deverão ser atendidas por ano.

Mais conteúdo sobre:
violência contra mulher

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.