Virada Paulista reúne de rainha do brega a filho de Bob Marley

Cerca de mil atrações, incluindo vários shows de rock, agitaram 27 cidades do interior por 24h

O Estado de S.Paulo

21 de maio de 2012 | 03h05

A 6.ª edição da Virada Cultural Paulista levou cerca de mil atrações a 27 municípios do Estado no fim de semana. Iniciado às 18h do sábado, o evento reuniu grandes nomes da música até as 18h de ontem. Nas 24 horas, passaram por palcos do interior bandas e cantores famosos, como Moraes Moreira, Zélia Duncan, Dominguinhos e o grupo Titãs, que encerrou a festa em Jundiaí.

Neste ano, o rock foi destaque e marcou presença nas apresentações de Lobão, Leo Jaime, Raimundos, Nando Reis e Plebe Rude. Vários artistas se apresentaram em mais de um palco, caso da banda Ultraje a Rigor, que fez shows em Presidente Prudente e Araçatuba. Após cantar em Indaiatuba, o rapper Emicida fechou o evento em Mogi-Guaçu.

A programação teve ainda divas da música nacional, como Vanessa da Mata, Wanderléa, Fernanda Abreu, Pitty, Paula Lima, Mallu Magalhães, Negra Li, Mart'nália e Gaby Amarantos, a rainha do tecnobrega. Em Americana, Marina Lima tocou com o filho de Bob Marley, Ky-mani Marley.

Em 2011, a Virada reuniu 1,5 milhão de pessoas. Neste ano, a expectativa era a de chegar a 2 milhões. / ADRIANA FERRAZ

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.