Vigia é baleado em tentativa de assalto e corre risco de morte

Policial também foi baleado durante assalto a uma agência do banco Real, na zona sul de São Paulo nesta manhã

Elvis Pereira e fabiana Marchezi, estadao.com.br

26 Março 2009 | 19h02

Pelo menos duas pessoas ficaram feridas na manhã desta quinta-feira, 26, após serem baleadas durante um assalto à agência do banco Real na Avenida Adolfo Pinheiro, no bairro de Santo Amaro, zona sul de São Paulo. Um vigilante da agência foi atingido na cabeça e levado para o Hospital das Clínicas. Ele está internado na Unidade de Terapia Intensiva em estado gravíssimo e corre risco de morte. 

 

De acordo com informações iniciais do helicóptero Águia da Polícia Militar, o crime aconteceu por volta das 11 horas. Um policial militar também foi baleado na ação. O PM levou um tiro na mão direita e foi operado no Hospital Regional Sul, onde é mantido em observação. Em nota, o Banco Real informou que "lamenta o ocorrido e colaborará com as investigações policiais."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.