Vídeos na internet destacam falta de cinto de segurança

Após as informações divulgadas ontem pela imprensa de que o brinquedo se encontrava com problemas havia pelo menos uma década, internautas de todo o País postaram vídeos mostrando imagens de La Tour Eiffel em operação.

O Estado de S.Paulo

02 Março 2012 | 03h04

Neles, é possível ver que o terceiro bloco de cadeiras (onde houve o acidente) realmente tinha uma trava mais afundada e nenhum cinto ou mosquetão para garantir a segurança. Não há imagens de outras pessoas usando o assento.

Os vídeos também mostram o brinquedo funcionando com muitas cadeiras vazias - interditadas. Apesar disso, a atração costumava contar com grande número de pessoas na fila.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.