Paulo Pinto/AE
Paulo Pinto/AE

'Vidente do Amor' é multada em R$ 40 mil por propaganda irregular

Faixas espalhadas pela zonas sul e oeste de São Paulo foram flagradas pela Secretaria das Subprefeituras

Marília Lopes, Central de Notícias

15 Fevereiro 2011 | 11h36

SÃO PAULO - Uma "Vidente do Amor" foi multada em R$ 40 mil por desrespeito à Lei Cidade Limpa durante operação realizada pela Secretaria de Coordenação das Subprefeituras nas zonas sul e oeste de São Paulo na noite de segunda-feira, 14. A infratora recebeu quatro multas, no valor de R$ 10 mil cada, por ter espalhado propagandas ilegais e faixas irregulares.

 

Segundo a Secretaria de Coordenação das Subprefeituras, a infratora foi notificada e deve apresentar documentação que permita o funcionamento de seu estabelecimento em até cinco dias. Caso não tenha licença de funcionamento poderá ser multada e ter o estabelecimento lacrado.

 

A fiscalização da Lei Cidade Limpa foi ampliada desde a semana passada, quando o prefeito Gilberto Kassab criou um grupo especial para intensificar a fiscalização do cumprimento das regras para anúncios. O grupo é subordinado a Secretaria de Coordenação das Subprefeituras e seu coordenador é o ex-subprefeito de Cidade Ademar, José Rubens Domingues.

 

Desde 2007, quando entrou em vigência a Lei Cidade Limpa, cerca de 500 mil faixas, cartazes e tabuletas irregulares foram retiradas da cidade. As multas neste período já totalizam cerca de R$ 117 milhões.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.