Viatura é atacada e policial morre em Sorocaba

O soldado da Polícia Militar Sandro Luis Gomes, de 35 anos, morreu depois que a viatura em que estava foi atingida por 16 disparos quando fazia o patrulhamento em Sorocaba, na madrugada de ontem. Gomes foi atingido por vários disparos. O sargento Antônio Correia Junior, que também estava no carro, foi ferido com um tiro, mas sobreviveu. No mesmo horário, a casa de outro policial militar foi alvejada com vários tiros na Vila Haro, zona leste da cidade. A Polícia Civil trabalha com a hipótese de uma ação da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC).

O Estado de S.Paulo

28 Abril 2014 | 02h00

No primeiro caso, os policiais rodavam pela Avenida Itavuvu, quando um carro emparelhou e seus ocupantes abriram fogo contra a viatura. O policial atuava pelo programa Operação Delegada, uma parceria da Secretaria da Segurança com a prefeitura. Em nota, a PM lamentou a morte e atribuiu o ataque a uma retaliação dos criminosos à ação da polícia. / JOSÉ MARIA TOMAZELA

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.