Viajar de avião com animais

1.

, O Estado de S.Paulo

04 de maio de 2010 | 00h00

Qual o procedimento?

Verificar na companhia aérea a possibilidade de transporte desse animal; os requisitos; pagar as taxas; providenciar

os documentos; e fazer o

check-in no balcão.

2.

Quais documentos são

necessários?

Para embarque internacional, saindo do Brasil, é preciso do Certificado Zoossanitário Internacional (CZI) emitido pelo Ministério da Agricultura. Ele não é válido para o

retorno do animal, que deve ser emitido pelo Ministério

da Agricultura do país de embarque, além do visto do consulado brasileiro. É necessário ainda o certificado de vacinação antirrábica (aplicada há mais de 30 dias e menos de 1 ano do embarque); e o atestado de saúde do animal, exigido também para o cão-guia, emitido por médico veterinário, com validade mínima de sete

dias da data de emissão.

3.

Animais domésticos

podem ir na cabine?

Só em algumas companhias.

O animal deve ser transportado em kennels, um tipo de contêiner. Os cães-guia podem ir com o dono, não é cobrada taxa e são exigidos os mesmos procedimentos sanitários.

4.

Quantos animais podem ser transportados

por voo?

Em voos de e para o Brasil,

cada passageiro pode levar dois canis como bagagem

despachada.

FONTES: Anac, TAM, GOL e

American Airlines

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.