Viagem ao litoral deve demorar 2 horas a mais

Polícia Rodoviária Estadual e Ecovias se preparam para congestionamentos o dia todo; segundo a CET, 1,5 milhão de carros devem deixar a capital

, O Estado de S.Paulo

31 Dezembro 2010 | 00h00

Os motoristas que pegarem a estrada hoje rumo ao litoral devem levar paciência na bagagem. O percurso deve demorar duas horas a mais, segundo a Polícia Rodoviária Estadual (PRE). A estimativa do órgão é que 200 mil veículos desçam a Serra do Mar hoje.

"Dia 31 é trânsito em qualquer horário. O "menos pior" deve ficar entre 11h e 13h", disse o capitão Gilson Geraldo Gonçalves, da 5.ª Companhia do 1.º Batalhão do Litoral Norte. A expectativa é que, por hora, 8 mil veículos passem pelas estradas litorâneas.

A Ecovias, que administra o Sistema Anchieta-Imigrantes, alerta que fluxo constante não é garantido nem mesmo no momento de menos trânsito. Para a empresa, o movimento só deve diminuir a partir das 20 horas.

O trânsito lento nas rodovias já é sentido desde o início da semana. Ontem, a reportagem demorou 2h30 para ir do Guarujá a Maresias. Fora de temporada, esse tempo seria suficiente para ir da capital à praia do litoral norte. "Há muito carro. A serra é perigosa e as pessoas andam mais devagar", disse o empresário Roberto Almeida, de 50 anos, que ia da capital à Praia de Toque-Toque.

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) estima que 1,5 milhão de carros deixem a cidade de São Paulo no réveillon. Até as 19 horas de ontem, cerca de 300 mil já haviam usado o Sistema Anchieta-Imigrantes.

As rodovias para o litoral norte - Tamoios e Oswaldo Cruz - apresentaram lentidão ontem, assim como a Rodovia Carvalho Pinto, principalmente na região de São José dos Campos (entrada para a Tamoios). Hoje, na Via Dutra, a previsão é de 6 mil veículos por hora no sentido Rio. Todas essas vias devem ter horário de pico das 9h às 14h.

Interior. O Comando de Policiamento Rodoviário espera que a situação seja melhor hoje nas rodovias que seguem para o interior. A concessionária Autoban calcula que cerca de 520 mil veículos trafeguem pelas Rodovias Bandeirantes e Anhanguera entre a noite de ontem e domingo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.