Vereador quer reduzir multa para bares

O vereador Alfredinho, líder do PT na Câmara Municipal de São Paulo, apresentou um projeto de lei que reduz de R$ 45 mil para R$ 1.500 a multa prevista para botecos da periferia que permanecem abertos de madrugada. A legislação que dispõe sobre o funcionamento de bares na capital foi elaborada em 1999, com base nos índices de violência da época, quando a cidade vivia uma explosão de homicídios na periferia. Para especialistas em segurança, o fechamento de bares pode reduzir os índices de criminalidade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.