Vencimentos devem ser divulgados até dezembro

O presidente da Câmara Municipal de São Paulo, José Police Neto (sem partido), afirmou que até dezembro os salários dos funcionários do Legislativo serão publicados na internet, como a Prefeitura. Desde 2009, a administração municipal divulga os vencimentos e gratificações de seus 148 mil servidores. Ele disse estar em "negociação" com a categoria dos procuradores para viabilizar a publicação.

Diego Zanchetta e Rodrigo Burgarelli, O Estado de S.Paulo

08 de agosto de 2011 | 00h00

"Estamos trabalhando para divulgar as informações. Não queremos uma briga jurídica, e por isso estamos dialogando com os servidores da Casa para um melhor entendimento sobre como isso será feito", disse o presidente, que foi eleito em janeiro com a promessa de tornar mais "transparente" as ações e contas do Legislativo.

Decisão. Police Neto admite que existem salários acima de R$ 26.723,13 na Câmara. Apesar de iniciar uma série de medidas que agradaram organizações não governamentais (ONGs) - como a abertura das reuniões de líderes de bancada para o público e a transmissão online de todas as audiências públicas -, Police Neto disse ter sido uma decisão "política" não divulgar os salários.

Entre entidades que acompanham o trabalho dos vereadores, o sigilo sobre os salários tem rendido críticas aos integrantes da Mesa Diretora. "Até o final do ano teremos condições para fazer a divulgação", argumentou o presidente.

O argumento usado por vereadores contrários à divulgação dos salários é o de que, na Prefeitura, mais de 400 servidores já conseguiram liminar na Justiça que impediu a publicação de seus holerites.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.