Veja como aconteceu assalto que teve 43 reféns em Santos

Quatro assaltantes tentaram roubar uma loja do McDonald´s; polícia foi acionada e negociou com a quadrilha

Andressa Zanandrea, Jornal da Tarde

17 de março de 2008 | 15h07

Por volta da 0h40, quatro homens entraram no McDonald's, na Avenida Bartolomeu de Gusmão, na Ponta da Praia, em Santos, e foram até os caixas para pedir lanches. De repente, foram até a porta, onde estava o segurança, o renderam e anunciaram o assalto.  Um cliente conseguiu telefonar para uma pessoa, que acionou a polícia. Duas viaturas chegaram em poucos minutos à lanchonete. Com os carros, os policiais fecharam as duas saídas.  Um dos bandidos estava na porta e correu para dentro da lanchonete. Encurralada, a quadrilha resolveu manter funcionários e clientes reféns. Cinco ou seis pessoas ficaram sentadas na cozinha, no primeiro andar, e as outras foram levadas para uma sala no segundo piso. Policiais ficaram na área das mesas enquanto negociavam com bandidos, que estavam na cozinha. A área próxima à lanchonete foi interditada pela polícia.  Duas moças passaram mal e foram libertadas por volta das 2h30. Elas foram atendidas no local pela equipe de Resgate do Corpo de Bombeiros. Os outros reféns foram soltos e a quadrilha se entregou por volta das 3h45. 

Tudo o que sabemos sobre:
tentativa de assaltoSantosMc Donalds

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.