Vazamento de adutora deixa 75 mil sem água nos Jardins

Abastecimento deve se normalizar por volta da meia-noite; empresa ainda não sabe a causa do problema

Solange Spigliatti, do estadão.com.br

02 de julho de 2010 | 17h16

SÃO PAULO - O vazamento de uma adutora da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp), ocorrido na manhã desta sexta-feira, 2, deixou sem água cerca de 75 mil moradores da região dos Jardins, na zona sul de São Paulo.

 

Segundo a Sabesp, o vazamento da adutora, de um metro de diâmetro, ocorreu na Rua João Moura, perto da Alameda Gabriel Monteiro da Silva. A interrupção do fornecimento de água foi necessária para que a equipe técnica prosseguisse os reparos.

 

O abastecimento de água deve se normalizar por volta da meia-noite de hoje, de acordo com previsão da Sabesp. A empresa ainda não tem informações sobre o que teria causado o vazamento.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.