Van escolar roubada capota na Avenida Interlagos

Nenhuma criança estava no veículo no momento do acidente; um homem acusado de participar do roubo foi detido

Laura Maia e Mônica Reolom, O Estado de S. Paulo

03 Fevereiro 2014 | 12h48

Atualizado às 22h30

SÃO PAULO - Dois homens foram presos em flagrante na manhã desta segunda-feira, 3, por roubo a uma van escolar. Por volta das 9h30, um suspeito abordou o veículo em uma avenida da zona sul da cidade. A motorista saiu do carro mas uma menina de 10 anos que estava no banco de trás permaneceu. O ladrão se deu conta apenas alguns minutos mais tarde, e deixou a menina na calçada da Avenida Vitor Manzini. Ela foi encontrada e socorrida por um frentista.

O suspeito então fugiu em alta velocidade para a Avenida Interlagos, onde bateu em um poste e uma árvore e capotou, próximo ao Supermercado Extra. Preso nas ferragens do carro, que quase se partiu ao meio, ele foi socorrido por policiais que passavam no local e levado pelo Samu ao pronto-socorro do Hospital Geral de Pedreira, onde ficou internado. Não havia informações sobre o seu estado de saúde até as 22h.

O segundo detido estava em outro veículo próximo à cena do assalto. Ao ver que o comparsa havia se envolvido em um acidente, ele fugiu. Mas um guarda civil o abordou, suspeitando da alta velocidade, ao que o suspeito confessou que participava do assalto à van.

A criança foi levada ao 99°DP (Campo Grande), onde o caso está sendo investigado, e foi entregue aos pais.

Mais conteúdo sobre:
van Avenida Interlagos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.