Vai ficar em SP? Passeie de trólebus, bike ou metrô

Tour passa por cartões-postais, ciclofaixas e roteiros turísticos que têm o metrô como meio de transporte; ônibus saem do Pátio do Colégio com destino à Praça da Sé

O Estado de S.Paulo - Atualizada às 8h08 do dia 25/01

24 Janeiro 2013 | 02h09

Para quem for ficar o feriado na cidade, o que não falta é programa para comemorar os 459 anos de São Paulo. Além dos shows previstos no Anhangabaú - que vai ter Criolo, Emicida, Arnaldo Antunes, Edgard Scandurra, Rita Lee e Zélia Duncan, a partir das 15h -, há de passeio de trólebus por cartões-postais, ciclofaixas e roteiros turísticos que têm o metrô como meio de transporte - quase tudo de graça.

A Prefeitura oferece o Passeio Turístico e Cultural de Trólebus pelo Centro. Das 9h às 15h, ônibus vão partir do Pátio do Colégio com destino à Praça da Sé, em um trajeto de 40 minutos.

No roteiro, gratuito, os passageiros vão passar por pontos como o Viaduto do Chá, o Teatro Municipal e os Edifícios Itália e Martinelli, assim como pela esquina da Avenida Ipiranga com a São João, eternizada na música Sampa, de Caetano Veloso.

Ao contrário do que ocorre em feriados municipais, as Ciclofaixas de Lazer estarão abertas amanhã (geralmente elas só abrem em feriados nacionais e aos domingos). Mas atenção: por causa da programação no centro, o percurso da faixa que passa pela região sofrerá alterações.

Turismo. Já o Turismetrô, programa de roteiros turísticos populares que usa o metrô como meio de transporte, faz amanhã um passeio comemorativo. O percurso vai passar por regiões emblemáticas da capital para mostrar o desenvolvimento da cidade. A iniciativa é da São Paulo Turismo (SPTuris), em parceria com o Metrô.

O passeio terá cinco grupos: dois às 9h e três às 14h, com 25 vagas por grupo. O trajeto, que tem cerca de três horas, passará, por exemplo, pela Catedral da Sé, Edifício Copan e Mansão Franco de Mello, uma das primeiras a ocupar a Avenida Paulista. Segundo o presidente da SPTuris, Marcelo Rehder, o passeio "é uma maneira prática e acessível de conhecer melhor a capital".

Para participar, são necessários dois bilhetes de metrô (R$ 3, cada). Os interessados devem comparecer com 30 minutos de antecedência ao balcão do Turismetrô, na Estação da Sé. Guias bilíngues comentam a história e contam curiosidades sobre cada atração ao longo do roteiro.

Mais conteúdo sobre:
aniversário, são paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.