Usuários gaúchos do Second Life fazem abaixo-assinado

Protesto em iha de Porto Alegre organiza lista de protesto contra "irresponsabilidade" de governantes

Lucas Pretti, do estadao.com.br,

19 de julho de 2007 | 11h30

Não pára de repercutir no mundo virtual do Second Life (SL) a tragédia do Vôo 3054 da TAM. A ilha Brasil Porto Alegre organizou protesto na noite de quarta-feira, 18, e prepara abaixo-assinado digital contra a "incompetência" e "irresponsabilidade" de governantes.   Veja também: Quem são as vítimas do vôo 3054 O local do acidente Opine: o que deve ser feito com Congonhas? As histórias das vítimas da tragédia Corpos identificados Os acidentes mais graves da aviação brasileira Cronologia da crise aérea Conheça o Airbus A320 A repercussão da tragédia no mundo Assista a vídeos feitos no local do acidente Conte o que você viu e o que você sabe  Ouça trechos de entrevista com o presidente da Infraero   Galeria de fotos  Tudo sobre o acidente da TAM   Cerca de 50 avatares estiveram no evento e vestiram camisetas pretas com a palavra "protesto". Diversos cartazes com os dizeres "Não podemos admitir que tantas vidas se percam" e "Unindo forças seremos ouvidos e podemos mudar o mundo" foram distribuídos pelo território gaúcho. Residentes do SL foram convidados a clicar em uma tela e incluir o nome no abaixo-assinado.   A origem do Vôo 3054, que teve problemas no pouso e se chocou contra prédios próximos ao Aeroporto de Congonhas, era Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. Por isso o protesto em terras virtuais gaúchas.   Outra manifestação coletiva incluiu blogs de avatares. Muitos se organizaram para postar mensagens de indignação ao mesmo tempo. O blog Rumorejo, da carioca Poliane Latta, foi um dos que participaram do movimento.   Uma ilha paulistana também declarou luto logo após o acidente.

Tudo o que sabemos sobre:
Vôo 3054

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.