Universal é condenada por acidente em templo

OSASCO

, O Estado de S.Paulo

14 de abril de 2011 | 00h00

A Igreja Universal do Reino de Deus (Iurd) terá de pagar R$ 472 mil de indenização à família de Ana Germana Rafael, morta no desabamento do templo de Osasco, em 1998 - a tragédia ocorreu durante uma vigília e deixou 22 mortos e centenas de feridos. A decisão da 10.ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo confirmou decisão de primeiro grau em favor do marido da vítima e dos quatro filhos. A Polícia Civil concluiu que o acidente ocorreu por causa da manutenção inadequada da estrutura.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.