Umidade do ar em cidades do interior de São Paulo chega a 10%

São Carlos, Votuporanga, Ariranha e Valparaíso entraram em estado de emergência

Marcela Bourroul Gonsalves, estadão.com.br

06 de setembro de 2011 | 17h44

SÃO PAULO - As cidades de São Carlos, Votuporanga, Ariranha e Valparaíso, no interior de São Paulo, registraram 10% de umidade relativa do ar na tarde desta terça-feira, 6. O índice é muito abaixo do recomendável e caracteriza estado de emergência.

Os moradores dessas regiões devem evitar atividades ao ar livre entre 10h e 16h, suspender atividades que exijam aglomerações de pessoas em recintos fechados no mesmo horário, e manter úmidos os ambientes internos, principalmente quarto de crianças e hospitais.

Na capital paulista, a umidade relativa do ar que chegou a ser a menor desde 2009 na segunda-feira, 5, hoje ficou em cerca de 60% durante a tarde. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a previsão é de baixa umidade relativa no estado até esta quarta-feira, 7.

Também receberam avisos especiais em relação à baixa umidade do ar os estados de Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Goiás, Distrito Federal, Bahia, Maranhão, Tocantins e Piauí.

Nos estados do sul, a previsão é de chuva moderada a forte durante o feriado da Independência.

Tudo o que sabemos sobre:
umidade do arinteriorSão Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.