Umidade chega a 27% e capital entra em atenção

A capital entrou, às 15h40 de ontem, em estado de atenção por causa da baixa umidade relativa do ar, que chegou a 27%, segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE). Com a falta de chuva e a umidade reduzida, há um aumento nos níveis de dióxido de enxofre e partículas de poluentes no ar. A cidade saiu do estado de atenção no fim da tarde.

, O Estado de S.Paulo

14 Julho 2011 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.