Um morto e dois feridos em tentativa de assalto a ônibus

Guarda civil metropolitano teria reagido à tentativa de roubo dando início ao tiroteio dentro do coletivo

Daniela do Canto, da Central de Notícias,

16 de setembro de 2009 | 03h09

Uma pessoa morreu e outras duas foram baleadas em uma tentativa de assalto a um ônibus na Rodovia Presidente Dutra, em Guarulhos, na noite desta terça-feira, 15. De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), os três baleados - entre eles dois passageiros e um assaltante - foram atingidos durante uma troca de tiros entre um guarda civil metropolitano (GCM), passageiro do ônibus, e os ladrões.

 

O crime aconteceu por volta das 20h30, na altura do km 224 da rodovia, quando três homens anunciaram o assalto dentro do coletivo da empresa Transdutra, que levava cerca de 40 passageiros. Segundo a PRF, os assaltantes perceberam que o GCM era um guarda e tentaram agredi-lo. O GCM, então, teria disparado para se defender e iniciado a troca de tiros. Ainda conforme a PRF, dois ladrões conseguiram fugir.

 

Os dois passageiros feridos foram levados ao Hospital Geral de Guarulhos (HGG). Um deles, o jovem Diego da Silva, de 18 anos, morreu enquanto recebia atendimento. O suspeito baleado foi encaminhado ao Hospital Municipal de Urgência (HMU), em Guarulhos. O caso foi registrado no 2º Distrito Policial da cidade.

Mais conteúdo sobre:
assaltoônibusGuarulhos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.