Um é baleado e outro preso ao tentarem assaltar investigador na zona sul de SP

Investigador do 16º DP estava em uma moto e atirou contra bandidos no cruzamento entre as Avenidas Ibirapuera e República do Líbano

Pedro da Rocha, do estadão.com.br,

31 de agosto de 2011 | 02h57

SÃO PAULO - Ocupando uma scooter Suzuki Burgman preta 600 cc, um investigador do 16º Distrito Policial, da Vila Clementino, reagiu a uma tentativa de roubo e acabou baleando um dos assaltantes, por volta das 22h30 de terça-feira, 30, na região do Ibirapuera, na zona sul da capital paulista.  

 

"O investigador havia acabado de fazer seu plantão. Na Avenida República do Líbano, próximo à Avenida Ibirapuera, duas pessoas em uma moto Honda Twister prata tentaram assaltar o policial. Ele reagiu e acertou o motorista", contou o delegado Fábio Baena Martin, do Grupo de Operações Especiais (GOE). Os criminosos ainda conseguiram fugir.

 

O baleado, que passou por cirurgia, foi encontrado pelos policiais no pronto-socorro do Hospital Geral de Pedreira, e identificado como Tiago Alves Trindade de Souza, de 21 anos. Funcionários do hospital anotaram a placa do Astra preto que deixou Souza no pronto socorro. Encontrado, o dono do veículo disse que o havia vendido e deu o endereço do comprador, no bairro de Americanópolis. Na residência do novo proprietário foram encontrados o Astra e a Twister, ambos ensanguentados. O morador da residência foi detido para averiguação.

 

"Chamou a atenção ele ter conseguido dirigir, gravemente ferido, por cerca de 12 quilômetros, do local do crime até a residência em que estava a moto", comentou Martin. O caso foi registrado na mesma delegacia onde o investigador trabalha. De acordo com a polícia, Souza não possuí antecedentes criminais.

 

Notícia atualizada às 5h25

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.