Divulgação
Divulgação

Um domingo no parque com Adoniran Barbosa

Núcleo João Rubinato se apresenta no Parque da Água Branca no próximo dia 17; o show começa a partir das 11h e a entrada é gratuita

Gabriel Vituri - estadão.com.br,

15 de outubro de 2010 | 13h18

SÃO PAULO - Domingo é do samba. A partir das 11 horas, no dia 17 de outubro, o Núcleo João Rubinato leva ao Parque da Água Branca, na zona oeste de São Paulo, canções do compositor paulista Adoniran Barbosa, que completaria um século de vida neste ano.

 

especial Veja o especial dos 100 anos de Adoniran Barbosa

 

Nascido em Valinhos, no interior de São Paulo, em 6 de agosto de 1910, João Rubinato, filho de imigrantes italianos, representava através de suas letras -- ainda atuais -- o dia a dia capital. Com abordagens ora bem humoradas (no famoso "Samba do Arnesto") e ora dramáticas (a tragédia de "Iracema"), Adoniran é considerado um dos maiores representantes do samba no Estado.

 

A apresentação no fim de semana busca relembrar canções não tão conhecidas, que serão tocadas pelos integrantes do Grêmio Recreativo de Resistência Cultural Kolombolo diá Piratininga. A intenção é contar histórias e "causos" de Adoniran durante o show. A banda é formada por 13 pessoas, que se dividem entre percussão, voz, cavaco, violão e flauta.

 

A atração é parte do Programa Cultura para Todos, do Fundo de Solidariedade e Desenvolvimento Social e Cultural do Estado de São Paulo (Fussesp). O Núcleo João Rubinato se apresenta no espaço Casa do Caboclo com entrada gratuita.

 

Serviço:

Dia 17 de outubro, às 11 horas

Parque da Água Branca - Espaço Casa do Caboclo

Rua Ministro Godói, 180 - Perdizes - São Paulo/ SP

Entrada franca

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.