Tutty Humor

Fifa: que país é esse?

Tutty Vasques, O Estado de S.Paulo

31 Maio 2011 | 00h00

A gente reclama do Brasil, mas, em matéria de lambança política, convenhamos, a Fifa é insuperável. Nas eleições presidenciais de amanhã, a entidade comemora sua maior crise moral consagrando o quarto mandato de Joseph Blatter, absolvido sumariamente no último domingo da acusação de conivência com esquema de propina. O mesmo tribunal afastou do futebol o candidato da oposição, Mohamed bin Hamman, por compra de votos.

A gente reclama do Conselho de Ética do Senado, mas seus critérios de julgamento são extremamente rigorosos perto dos métodos do comitê responsável por impor limites ao vale-tudo na Fifa. O Sarney deles é, sem exageros, muito mais senhor da situação que o nosso.

A gente - ô, raça! - reclama da figura patética de nossos políticos em geral, mas só estando agora em Zurique pra ver o desfile de presidentes de federações de futebol dos quatro cantos do mundo. Muitos levaram toda a família para participar do circo eleitoral anunciado em manchete pelos jornais europeus. Nenhum deles está nem aí pra isso!

Enfim, a gente reclama da falta de seriedade do Brasil, mas a Fifa é o verdadeiro país do futebol.

Ou não?

Meu garoto

"ADORO QUANDO O MICHEL FALA GROSSO ASSIM!"

Marcela Temer, vice primeira-dama da República, sobre a conversa dura que o marido teve dia

desses ao telefone com Palocci.

Preconceito bobo

Como se não bastasse trancar todos seus ternos no armário, Vanderlei Luxemburgo está usando óculos de hastes vermelhas, iguais aos de seu preparador físico. Só se fala disso na torcida do Flamengo - ô, raça!

Menos ele

Lewis Hamilton anda se sentindo perseguido na Fórmula 1. Rubinho Barrichello não tem, evidentemente, nada a ver com isso!

Sem gols

Tasso Jereissati está convencido de que não houve um derrotado no último embate interno do PSDB. Isso quer dizer o seguinte: terminou 0 x 0 a convenção nacional do partido.

O cara de sempre

Lula vai aproveitar sua estada nas Bahamas, onde faz palestra hoje, para visitar os amigos Fidel Castro e Hugo Chávez. Não quer que pensem que ele sumiu só porque ficou rico.

Experimenta só!

Deu no Diário Oficial da Cidade de São Paulo: quando quiser atravessar na faixa, o pedestre deve fazer sinal com o braço esticado para solicitar a parada de veículos. Na pior das hipóteses, ele pega um táxi até o outro lado da rua.

Agora vai!

A oposição resolveu mudar a tática do cerco a Palocci. Ficou combinado que alguém vai gritar "pega ladrão" pra ver se o ministro corre!

Cidade maravilhosa

Piracicaba já tem um caveirão igualzinho ao da tropa de elite do Rio. É sonho do prefeito, agora, levar o mar até o município.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.