Tutty Humor

A descrença no fim do mundo

Tutty Vasques, O Estado de S.Paulo

06 de abril de 2011 | 00h00

É sempre assim: toda vez que o ser humano está quase levando o fim do mundo a sério, uma seita de araque qualquer trata de ridicularizar o assunto. De tempos em tempos, uma nova profecia milenar de orelhada vem de encontro ao risco real de destruição do planeta, como se o homem moderno não tivesse nada a ver com isso! Pior ainda é o deboche geral com o tema quando suscitado em nome de Deus!

Não dá mesmo para acreditar no fim do mundo quando ele é anunciado para o mês que vem, como faz agora uma tal Family Radio, cristãos evangélicos americanos que desembarcaram em Belo Horizonte pregando o juízo final para o dia 21 de maio de 2011. A explicação de que, nesta data, o grande dilúvio completaria 7 mil anos, francamente, não convence ninguém.

Só serve para estimular piadas genéricas sobre o apocalipse lento e gradual que o descaso ambiental prenuncia. O fim do mundo como ele é não está na Bíblia, no calendário Maia ou nos filmes-catástrofe do gênero. Se você não sabe o que fazer a respeito, reze baixinho para não atrapalhar a pregação de quem ainda tenta salvar esta joça.

Todo mundo falha

De Ziraldo, comentando sua condenação por improbidade em Vara Cível do Paraná: "Isso nunca aconteceu comigo!" Teria ocorrido durante festival de humor em Foz do Iguaçu, no início dos anos 1990. A moça que o acompanhava, dizem, também não era lá essas coisas!

Fique esperta!

Tem socialite paulistana - ô, raça! - caindo no golpe da "venda de ingressos para assistir à implosão beneficente do prédio da Daslu". Pode?

Quem dá mais?

Passaporte especial de filho do Lula pode ir a leilão na internet. Seria uma boa maneira de socializar o caráter beneficente do documento diplomático. Imagina quanto o Eike Batista não doaria a uma instituição de caridade para ter um desses no bolso!

Coerência máxima

Muricy Ramalho mostrou de novo que é um homem de palavra: esperou o anúncio oficial de Murilo Ferreira na Vale para assinar com o Santos. Reserva-se o direito de não comentar o assunto.

Se é bom pro Brasil...

Faltando ainda 20 meses para as eleições presidenciais americanas, Barack Obama já está em campanha.

A oposição ainda não tem sequer candidato definido. Já vimos esse filme, né não?

Cabe recurso

Com a descoberta de fraude no sistema eletrônico que controla por impressão digital o comparecimento ao trabalho dos funcionários do Senado, resta ainda à direção da Casa o recurso de acorrentá-los ao serviço.

Fundo do mar

Não será surpresa para esta coluna se, amanhã ou depois, encontrarem o Dr. Ulysses.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.