Trio mata adolescentes e fere três na Brasilândia

Atiradores abriragam fogo contra grupo de amigos que conversava na rua

Rafael Italiani, O Estado de S. Paulo

01 Maio 2014 | 12h08

SÃO PAULO - Dois adolescentes morreram e outros três ficaram feridos, na noite desta quarta-feira, 30, após o grupo de amigos ser atacado por um trio de atiradores, na Rua Padre Manuel Honorato, na Brasilândia, na zona norte de São Paulo. Por volta das 23h, as vítimas conversavam quando foram supreendidas pelos suspeitos que utilizaram pistolas calibre .380 e 9 mm no ataque. Pelo menos nove cápsulas foram encontradas no local.

Segundo a polícia, Mateus Jackson da Silva, 16 anos, e Lucas Otávio da Silva Lima, 17 anos, morreram antes de chegar no hospital. Os dois foram baleados no peito. Outras duas vítimas, um adolescente de 15 anos, e um ajudante geral de 20 anos, foram levados ao pronto-socorro do Hospital Geral Vila Nova Cachoeirinha, também na zona norte, e passaram por cirurgia. Uma terceira vítima, de 20 anos, baleada nas nádegas enquanto fugia, disse à polícia que a rua onde o grupo foi atacado constuma ser frequentada por jovens durante a noite.

Testemunhas afirmaram que o trio cercou os jovens antes de atirar. Dois dos atiradores surgiram de um lado da rua, enquanto o terceiro veio pelo sentido contrário. Eles não disseram nada antes de disparar e a polícia não encontrou nenhuma câmera de segurança que possa revelar a identidade dos criminosos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.