Trio beneficiado pela saída temporária é recapturado em Diadema

Bandidos foram pegos dentro de um Pálio na Avenida Presidente Kennedy; presos serão reencaminhados a penitenciária e perderão o benefício do regime semiaberto

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

07 Janeiro 2011 | 03h35

SÃO PAULO - Três criminosos que cumprem pena em São José do Rio Preto, interior paulista, e que eram considerados foragidos, pois foram beneficiados pela saída temporária de final de ano não retornaram para a cadeia até o último dia 4, foram recapturados, por volta das 21h45 desta quinta-feira, 6, na região central de Diadema, no Grande ABC, por policiais militares da Força Tática do 24º Batalhão.

 

Ocupando um Fiat Pálio ao lado de duas garotas, na tentativa de despistar a polícia, Reinaldo Rodrigues de Souza, 37, Andre Antonio Carvalho de Campos, 33, e Renildo Almeida Santos, 29, todos condenados por roubo, foram parados pelos policiais na Avenida Presidente Kennedy, em frente ao hipermercado Carrefour. Na bolsa das garotas, os policiais encontraram R$ 3.500,00, US$ 20, e joias.

 

Nenhuma arma foi localizada com o grupo, conduzido ao 1º Distrito Policial de Diadema. As duas jovens foram liberadas. O trio foragido será reencaminhado a Rio Preto e, por não ter retornado para a cadeia, perderá o benefício do regime semiaberto, condição em que todos os 23.639 detentos estavam quando foram beneficiados com a saída temporária.

 

Deste montante que deixou as penitenciárias para visitar a família no fim de ano, 4.635 saíram com uma tornozeleira eletrônica de monitoramento e 1.681 (7,1%) não voltaram no dia marcado. Em 2009, o índice de detentos que descumpriram a ordem judicial foi de 8,5%.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.