Três turistas de Osasco se afogam em Itanhaém

Bombeiros localizam jovem de 22 anos, que morre no Pronto Socorro, e buscam dois jovens de 16 e 17 anos

Rejane Lima, do Estado de S. Paulo,

26 de outubro de 2008 | 20h21

Três turistas de Osasco se afogaram na manhã deste domingo, 26, em Itanhaém, na Baixada Santista. Um jovem de 22 anos foi resgatado com vida, mas morreu no Pronto Socorro. As buscas pelos outros dois adolescentes, de 16 e 17 anos, continuam. O grupo veio em uma lotação de Osasco, na Grande São Paulo. Às 7h40, os bombeiros foram avisados que os três rapazes não haviam voltado de um banho de mar na praia Verde Mar, no balneário Jardim Jequitibar. Algum tempo depois (o Comando do Corpo de Bombeiros não informou quanto), o jovem Antonio Luis Vieira do Nascimento, de 22 anos, foi localizado pelos policiais militares que estavam no helicóptero Águia, auxiliando nas buscas. "Ele foi resgatado com vida, mas com uma parada cardiorrespiratória, e faleceu no PS de Itanhaém", informou o Comandante de área do 17.º Grupamento de Bombeiros, Tenente Danilo de Oliveira Godoy. De acordo com o oficial, os bombeiros ainda não sabem em que condições os jovens haviam entrado no mar. "O mar está agitado, mas por ser feriado, a nossa maior preocupação é com o acumulo de bebidas ingeridas pelos turistas", explicou Godoy.  Além do helicóptero, um bote inflável e uma viatura de resgate pela areia trabalham nas buscas junto com 12 bombeiros. A procura pelos adolescentes deverá acontecer até o anoitecer e caso não sejam encontrados, recomeçará na manhã desta segunda-feira.

Tudo o que sabemos sobre:
OsascoafogamentoItanhaém

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.