Três perguntas para... Dráusio Barreto, secretário municipal de Serviços

1. O resultado da pesquisa realizada pelo Instituto Informe a pedido do Estado surpreende a Prefeitura de São Paulo? Não. O novo modelo de varrição teve início em 16 de dezembro. Por ser recente, as pessoas ainda não perceberam a evolução, que é real. Mas essa concepção vai mudar a curto prazo.

O Estado de S.Paulo

27 de fevereiro de 2012 | 03h03

2.Que evolução?

O volume de resíduos recolhidos diariamente na cidade cresceu 25%. Isso nos dá a certeza de que acertamos em mudar radicalmente o modelo de limpeza da cidade. As ruas agora são limpas sete dias por semana e ganharão 150 mil novas lixeiras. Os agentes ambientais passaram de 5 para 13 mil e iniciamos a mecanização da limpeza. A melhora é matemática.

3.E a coleta seletiva?

Não faz parte desse contrato, mas ganhará reforços. Vamos colocar 1,5 mil postos de coleta e mais 20 ecopontos funcionando sete dias por semana.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.