GABRIELA BILO / ESTADAO
GABRIELA BILO / ESTADAO

Três passageiros de avião que caiu no Campo de Marte já receberam alta

Piloto morreu na queda em aeroporto na zona norte de São Paulo, no domingo passado. Aeronáutica investiga causas do acidente

O Estado de S.Paulo

03 Agosto 2018 | 23h02

SÃO PAULO - Três passageiros do avião que caiu no Aeroporto do Campo de Marte, na zona norte de São Paulo, no domingo, 29, já receberam alta médica. A terceira alta ocorreu nesta sexta-feira, 3, quando Agnaldo Crippa, de 45 anos, deixou o HSANP, hospital no bairro de Santana, na mesma região. De acordo com boletim médico, o homem está "bem de saúde, porém necessita ainda de acompanhamento médico ambulatorial". Ele chegou a ficar internado na UTI em razão de um politraumatismo.

Além de Crippa, já haviam recebido alta ao longo da semana Geraldo Denardi e Enzo Denardi. No acidente,  o piloto Antonio Traversi  morreu e seis pessoas ficaram feridas.  O avião partiu de Videira (SC), a aproximadamente 400 quilômetros de Florianópolis, e pertencia a uma empresa do setor de embalagens plásticas. As causas do acidente estão sendo investigadas pela Aeronáutica.

O avião primeiro voou baixo e depois arremeteu. Ao tentar descer pela terceira vez, a nave teria virado, tocado o solo da pista de pousos e decolagens e houve uma explosão, por causa do combustível. A queda ocorreu por volta das 18 horas.   

Mais conteúdo sobre:
FAB [Força Aérea Brasileira]

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.