Três morrem na 12ª chacina do ano em SP

Ao chegarem, três desconhecidos se identificaram como sendo policiais e atiraram

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

30 Outubro 2010 | 07h13

Três homens, ainda não identificados, foram mortos a tiros, por volta das 4 horas deste sábado, 30, na Rua Audálio Gonçalves dos Santos, na Vila União, região do Capão Redondo, zona sul de São Paulo.

 

Com esse triplo homicídio, sobe para 12 o número de chacinas ocorridas somente neste ano na região metropolitana de São Paulo, sendo cinco na capital e outras sete nos municípios vizinhos, com um total de 46 mortes.

 

Policiais militares da 1ª e 2ª companhias do 1º Batalhão foram acionados por testemunhas que presenciaram de longe o crime. Segundo o que a polícia apurou no local, uma região frequentada por usuários e traficantes de drogas, as três vítimas foram abordadas por três desconhecidos armados, o primeiro vestindo uma blusa jeans, o segundo, uma camisa do São Paulo Futebol Clube e o terceiro, uma blusa vermelha.

 

Ao se aproximarem das vítimas, os atiradores, disseram "É a polícia, é a polícia", mandaram todos levarem as mãos à cabeça e na sequência atiraram. Os baleados foram encaminhados para o pronto-socorro do M'Boi Mirim, mas não resistiram.

 

Até as 6 horas desta manhã, o delegado do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) ainda realizava perícia no local acompanhado de policiais militares.

 

O caso será registrado no 92º Distrito Policial, do Parque Santo Antonio.

Mais conteúdo sobre:
chacina Capão Redondo

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.