Três brasileiros estão no top 100

Em abril no ano passado, o D.O.M. ficou em 4.º na lista dos melhores restaurantes do mundo da revista britânica Restaurant. Trata-se ainda do único da América do Sul a atingir posição tão alta nessa análise. Em 2006, estava no 50.º lugar e foi subindo de posição ano após ano, até chegar ao topo.

O Estado de S.Paulo

31 Março 2013 | 02h08

Além do D.O.M., outros dois restaurantes brasileiros figuram na lista da prestigiada revista: o Maní, dos chefs Helena Rizzo e Daniel Redondo, que subiu da 74.ª para a 51ª posição no último ranking, e o restaurante da carioca Roberta Sudbrack, que leva o nome da chef e está na 71ª posição no levantamento. Já o Fasano saiu do ranking.

Os três primeiros colocados permaneceram os mesmos: o dinamarquês Noma é campeão, pela terceira vez consecutiva. O catalão El Celler de Can Roca ficou em 2.º e o basco Mugaritz, em 3.º.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.