Três assaltantes são presos após invadir apartamento em SP

Grupo rendeu família de biomédico chinês; polícia cercou o local, mas um dos bandidos conseguiu escapar

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

04 de agosto de 2008 | 03h16

Três assaltantes foram presos e um conseguiu fugir, por volta das 21 horas de domingo, 3, após o quarteto invadir o apartamento de um biomédico chinês naturalizado brasileiro, no bairro da Bela Vista, região central da cidade de São Paulo. Armados com dois revólveres calibre 38, o grupo rendeu o proprietário e a esposa dele, segundos após as vítimas saírem do imóvel para dar comida a um morador de rua. Ao entrarem, os criminosos dominaram também o filho do casal, amarrando os três. A irmã, a namorada e a cunhada do rapaz, ao perceberem que tinham bandidos no apartamento, trancaram-se em um dos quartos e ligaram para o 190. A quadrilha exigia dólares das vítimas e. Além de agredi-las, ameaçaram levar como refém a mulher do biomédico caso não encontrassem dinheiro. Acionados, policiais militares cercaram o prédio, mas um dos quatro assaltantes já havia escapado. Erisvaldo Motta da Silva, 37 anos, Ricardo Ribeiro de Matos, 32, e João Batista Jr., 35, pretendiam fugir no Santana da família, mas acabaram se entregando ao verem o prédio cercado. Além das armas, os assaltantes também portavam dois celulares. O trio foi indiciado por tentativa de roubo no 05º Distrito Policial, da Aclimação. Colaborou Werther Santana, do Jornal da Tarde

Tudo o que sabemos sobre:
assaltoinvasãoBela Vista

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.