Três acusados de matar jogador são condenados

Três acusados da morte do jogador do Corinthians William Morais, de 19 anos, que estava emprestado ao América-MG, foram condenados ontem. Darisson Carlos Ferraz da Silva e Hebert Silva Lopes da Silva, ambos de 18, e Daivisson Carlos Bazílio Moreira, de 23, receberam penas de mais de 20 anos cada por latrocínio (roubo seguido de morte). O crime ocorreu em 6 de fevereiro na região da Pampulha, em Belo Horizonte. O jogador tentou fugir dos assaltantes, mas foi baleado nas costas e morreu no local.

, O Estado de S.Paulo

21 Julho 2011 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.