Tremor de terra provoca abalo em Manaus nesta quinta-feira

Abalo sísmico atingiu 7,5 pontos na escala Richter no Caribe e pode ter atingido até 2 pontos em Manaus

29 de novembro de 2007 | 18h33

 Um abalo sísmico que atingiu 7,5 pontos na escala Richter no Caribe pode ter atingido até 2 pontos na escala em Manaus. Uma tempestade caía na cidade no mesmo momento, por volta das 15 horas (hora local) e confundiu os moradores que achavam serem trovões muito fortes. De acordo com o gerente de geologia e recursos minerais do Serviço Geológico do Brasil (CPRM), Nelson Reis, qualquer abalo sísmico mais forte que possa acontecer na costa oeste ou leste da América do Sul poderá ser sentido no Amazonas e Roraima.    Forte terremoto atinge o leste do Caribe   "Como dessa vez a escala do epicentro foi bem alta, pôde ser sentido em vários pontos de Manaus", disse. "Percebi que os lustres de casa estavam balançando. Estava chovendo muito e não sabia o que estava acontecendo até que o interfone tocou e o porteiro disse que todos estavam descendo. Dei um tempo e desci pelas escadas", disse a advogada Joana Cerqueira, que mora no 7º andar de um prédio no conjunto Morada do Sol.    A professora Lúcia Souza Carvalho, que mora no 11º andar em um prédio na Ponta Negra, achou que a coleção de cristais tremendo na sala era efeito dos trovões. "Liguei para uma vizinha e ela disse que achava que era um terremoto, mas sou muito cética e permaneci em casa". O corpo de bombeiros recebeu diversos chamados e carros saíram para verificar se houve abalo na estrutura de prédios. Segundo a assessoria, os chamados vieram do centro da cidade e de bairros nas zonas oeste e sul da capital.

Tudo o que sabemos sobre:
Abalo sísmicotremorManaus

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.