Trem do Metrô bate em outro no Jabaquara

Um trem sem maquinista acelerou sozinho e acertou uma outra composição do Metrô no pátio de manobras do Jabaquara, na zona sul da capital paulista. O acidente foi no sábado e não deixou feridos. As informações foram divulgadas ontem pelo Sindicato dos Metroviários de São Paulo, que informou ainda que um técnico teve de pular para evitar ser atingido pelos trens.

O Estado de S.Paulo

05 de dezembro de 2012 | 02h02

Segundo o sindicato, o trem que acelerou, a composição I 12, é um dos trens recém-reformados pela Companhia do Metropolitano. Ela atingiu a composição A 33, um trem que estava estacionado alguns metros à frente.

O técnico que, segundo o sindicato, escapou de ser atingido foi alertado da aceleração do trem por um colega, que gritou. O Metrô informou, em nota, que o acidente não interrompeu a operação comercial e a Comissão Permanente de Segurança (Copese) investigará as causas da batida e eventuais responsabilidades.

"O Metrô também solicitou que a Secretaria de Segurança Pública acompanhe as investigações", diz nota da companhia. A empresa não informou as linhas em que os trens trabalhavam nem o prejuízo com o caso. / BRUNO RIBEIRO e CAIO DO VALLE

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.