Mário Ângelo/Sigmapress
Mário Ângelo/Sigmapress

Trem de carga descarrila e linha Rubi da CPTM é afetada

O trecho entre as estações Baltazar Fidélis e Francisco Morato está interditado

O Estado de S.Paulo

18 Agosto 2017 | 06h53
Atualizado 18 Agosto 2017 | 18h55

 SÃO PAULO -  Três locomotivas de carga de um comboio da empresa MRS descarrilaram na linha 7 - Rubi (Luz-Jundiaí), da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) no fim da noite desta quinta-feira, 17. O trecho entre as estações Baltazar Fidélis e Francisco Morato está interditado e deve voltar a operar até o fim da noite desta sexta, segundo a CPTM. 

O incidente ocorreu por volta das 23h15 e a linha está operando apenas entre as estações Luz e Baltazar Fidélis e entre Francisco Morato e Jundiaí. 

Para transportar os passageiros no fim da tarde e noite desta sexta, a CPTM acionou a operação Plano de Atendimento entre Empresas de Transporte em Situação de Emergência (Paese), com 60 ônibus gratuitos para o transporte dos usuários entre as estações Francisco Morato e Franco da Rocha. 

A previsão inicial era de que uma das vias seria liberada antes do fim da tarde. Mas, segundo a CPTM, o guindaste da MRS que trabalhava na retirada da terceira locomotiva quebrou no momento da operação.

Equipes de manutenção da CPTM e da MRS estão trabalhando no local. A Companhia vai apurar as causas do acidente. A MRS não foi localizada na noite desta sexta para comentar o acidente. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.