Trânsito ruim nas estradas de SP na volta do feriado prolongado

Caminhão tomba na Marginal do Tietê e prejudica o trânsito na chegada à capital paulista

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

10 de setembro de 2007 | 10h43

A Rodovia Castelo Branco continuava com trânsito lento às 10h15, devido ao tombamento de um caminhão na Marginal do Tietê, na madrugada desta segunda-feira, 10. O acidente aconteceu por volta das 5 horas e o caminhão foi removido às 7h50, mas ainda causava transtornos aos motoristas que chegavam à capital pelas rodovias Castelo Branco, Anhangüera e Bandeirantes.   Número de mortos cresce 17,7% nas estradas de SP no feriado   Acidente mata uma pessoa e Marginal do Tietê é interditada   Na Castelo, a lentidão chegava a 10 quilômetros entre os km 22 e 12, já na chegada à Marginal do Tietê; no sentido interior, o trânsito era normal. No sistema Anhangüera-Bandeirantes o trânsito também era complicado. Na Bandeirantes, os motoristas enfrentavam 4 km de lentidão, já na chegada à capital paulista.   Para fugir do trânsito, os motoristas podiam desviar para a Anhangüera, que tinha apenas um quilômetro de congestionamento. As demais rodovias tinham trânsito normal, segundo informações da Polícia Rodoviária Estadual.   Enquanto isso, o motorista que voltada do litoral paulista não enfrentava problemas nas estradas que fazem a ligação entre a capital paulista e o litoral. O trânsito era normal no sistema Anchieta-Imigrantes, de acordo com a concessionária Ecovias.   Por volta das 8 horas, a Rodovia Presidente Dutra tinha três pontos de congestionamento, um deles na chegada à capital, entre os km 230 e 231, tanto na pista expressa quanto na marginal. Na região de Guarulhos, a pista expressa tinha lentidão do km 221 ao km 225 e a pista marginal entre o km 223 ao 225.   Nas demais rodovias, o trânsito era intenso, mas considerado normal para uma segunda-feira, segundo informações da Polícia Rodoviária.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.