Werther Santana / Estadão
Werther Santana / Estadão

Trânsito caótico dificulta saída de ônibus de terminais após chuva em SP

Prefeitura ainda não decidiu se mantém suspensão do rodízio nesta terça-feira

Redação, O Estado de S.Paulo

10 de fevereiro de 2020 | 18h50

A Prefeitura de São Paulo decidiu manter o rodízio suspenso na tarde desta segunda-feira, 10, depois do dia caótico que a cidade enfrentou com alagamentos durante todo o dia.

Mesmo com a liberação, muitas pessoas ainda estão ilhadas, diante de vias com alagamentos intransitáveis, principalmente na Lapa e Barra Funda, na zona oeste da cidade.

O trânsito muito caótico ainda dificulta a saída dos ônibus dos terminais. Em frente ao Lapa e Piqueri, na zona oeste, era grande a fila de coletivos tentando acessar as ruas na tarde desta segunda-feira.

A São Paulo Transporte (SPTrans) disponibiliza um link (clique aqui para acessar o site) para o passageiro acompanhar se o ônibus está chegando no ponto.

Transtorno também nos trens da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM). A empresa informa que a linha 9 - Esmeralda ainda funciona de forma parcial entre as estações Osasco e Santo Amaro, por causa de alagamentos na via. Não há previsão de normalidade.

Já a Companhia do Metropolitano (Metrô) funciona normalmente na tarde desta segunda-feira. Até as 15h, havia informação de funcionamento lento, agora a situação está normalizada. Ônibus do Paese foram acionados.

Para terça-feira, 11, o Município ainda avalia se a suspensão do rodízio será será mantida.

Confira outras fotos do dia de fortes chuvas em São Paulo:

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.