Traficante escapa pela porta da frente da Superintendência da Polícia Federal

Um traficante passou a perna na polícia mais bem paga e equipada do País. Preso domingo no Aeroporto Internacional de Brasília com 10 quilos de cocaína, ele foi levado algemado e sob forte escolta até a Superintendência da Polícia Federal. Mas aproveitou um momento de distração dos policiais e fugiu.

O Estado de S.Paulo

12 de junho de 2012 | 03h07

A perícia constatou que o detento machucou os pulsos para tirar as algemas e sair pela portaria, que está com as catracas danificadas. O plantonista tinha se ausentado. Os guardas da guarita, terceirizados, costumam ser rígidos apenas com quem entra. A carteira de identidade dele, que pode ser falsa, está em nome do acreano José Martins da Silva. Foi aberto processo administrativo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.