Tráfego é intenso nas estradas de SP na véspera do ano-novo

Maior número de veículos dirige-se para o litoral paulista pelo Sistema Anchieta-Imigrantes

Rita Cirne, do estadao.com.br,

30 de dezembro de 2009 | 15h56

Já é intenso o fluxo de carros em algumas estradas paulistas. O maior número de veículos dirige-se para o litoral paulista pelo Sistema Anchieta-Imigrantes. Na Imigrantes, o trecho congestionado é de seis quilômetros desde o km 47 até o 53, em Cubatão, na Baixada Santista. Na pista sentido litoral da Via Anchieta, onde trafegam ônibus e caminhões, a lentidão se concentra entre os km 44 e km 49, em Cubatão. Já a Rodovia Cônego Domênico Rangoni apresenta trânsito moroso no sentido Guarujá, no litoral sul, do km 269 até o km 271, em Cubatão.

 

Veja também:

Rodovias Dutra e Raposo Tavares continuam interditadas

Mogi-Bertioga reabre apenas durante feriado

 

A concessionária Ecovias, responsável pelo Sistema Anchieta-Imigrantes, implantou a operação descida as 8h desta quarta-feira com as pista sul da Imigrantes e sul e norte da Anchieta seguindo no sentido litoral. Para subir a serra em direção à capital, o motorista deve utilizar a pista norte da Imigrantes.

 

Nas rodovias Dutra e Ayrton Senna, sentido interior, o tráfego é intenso, mas sem pontos de lentidão. A pista da Dutra, que havia sido bloqueada nessa madrugada na região de Guaratinguetá devido à queda de barreira, já foi liberada.

 

A Rodovia Raposo Tavares continua interditada nos dois sentidos na altura do quilômetro 536, em Martinópolis, no interior de São Paulo, segundo a Polícia Rodoviária Estadual. A pista foi alagada por volta das 20 horas de ontem, após a abertura das comportas da barragem de uma pequena central hidrelétrica na região.

 

As rodovias Carvalho Pinto e Hélio Smidt, acesso ao Aeroporto Internacional de Guarulhos seguem com boas condições de tráfego, nos dois sentidos.

 

O caminhão que se chocou contra uma cabine na praça de pedágio de Caçapava, km 115, da rodovia Carvalho Pinto, já foi retirado. Não houve vítimas, mas esta cabine seguirá interditada para reparos. Neste local, os veículos que utilizam a pista de cobrança automática devem seguir pela a pista 2 (da direita).

 

A Ecopistas - que administra o corredor Ayrton Senna/Carvalho Pinto- informa que no km 47 (região de Mogi das Cruzes), sentido Capital, está sendo realizada poda de vegetação entre o canteiro central e a faixa da esquerda. O mesmo serviço ocorre no km 57 (região de Guararema), sentido interior.

 

No sentido Capital, há interdição da faixa central, no km 34 (região de Itaquaquecetuba) para obras de recapeamento.

 

Em direção ao interior há colocação de alambrado no canteiro central, pelo km 37 (região de Itaquaquecetuba).

Tudo o que sabemos sobre:
trânsitoano novorodoviasSão Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.