Trabalhadores da Sabesp podem entrar em greve

Categoria pede reajuste salarial de 5,49%, além de ampliação e manutenção de benefícios

Gheisa Lessa - estadão.com.br,

23 de maio de 2012 | 14h53

SÃO PAULO - Trabalhadores da Sabesp pretendem realizar greve na quinta-feira, 24, de acordo com informações do Sindicato dos Trabalhadores de Água, Esgoto e Meio Ambiente de São Paulo (Sintaema). A categoria reivindica aumento salarial além de ampliação e manutenção de benefícios.

Durante a manhã desta quarta-feira, 23, aconteceu uma reunião de conciliação, na sede da empresa, na Avenida do Estado, no centro da cidade, a Sabesp ofereceu reajuste de 4,15% e aumento real de 1,3%. De acordo com o Sindicato, a proposta não ficou a altura da expectativa dos trabalhadores, que pedem reajuste salarial de 5,49%.

O Sinteama destaca que, se a proposta não melhorar, com certeza haverá greve na próxima quinta. A paralisação será discutida às 18h, na sede do Sintema, na Avenida Tiradentes, centro de São Paulo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.