TJ-SP nega pela 4ª vez abertura do JK Iguatemi

O Tribunal de Justiça (TJ) de São Paulo voltou a negar ontem pedido de liminar feito pelos advogados da WTorre, construtora do Shopping JK Iguatemi. Eles pediam que a Prefeitura fosse autorizada a conceder ao empreendimento o Termo de Recebimento e Aceitação Parcial (Trap), uma licença provisória que permitiria ao centro de compras abrir sem ter concluído as obras de compensação viária exigidas pela Justiça. Trata-se do quarto pedido negado. Outro recurso deverá ser julgado no dia 8.

O Estado de S.Paulo

28 Abril 2012 | 03h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.