TJ-SP estuda alugar mais edifícios

O Tribunal de Justiça (TJ-SP) informou que há obras em andamento e procura soluções para "prédios prioritários". Segundo José Maria Câmara Junior, juiz assessor da Presidência do TJ-SP, um deles é o Fórum Central João Mendes Júnior, em obras há um mês, onde estão sendo investidos R$ 39 milhões.

, O Estado de S.Paulo

27 Fevereiro 2011 | 00h00

Também aparecem na lista de prioridades os Fóruns do Jabaquara e o Juizado Central da Vergueiro, cujos projetos de reforma estão em licitação.

O TJ planeja mudar o Fórum da Penha de edifício. A aposta é por prédios que possam ser alugados e onde o dono faça adaptações. O órgão diz que ainda trabalha para criar fóruns na zona sul e diz que o do Butantã, na oeste, será inaugurado em breve.

Mas a falta de verbas ainda é empecilho, segundo Câmara Junior. Quando a necessidade é construir um prédio, a prerrogativa é da Secretaria de Estado da Justiça, que afirma ter destinado verba suplementar de R$ 100 milhões para construção e ampliação de fóruns em 2009.

Câmara Junior diz que o estado da Vara de Infância da Lapa é "premente" e não espera solução da secretaria - segundo ele, já há um imóvel em vista e reunião com o dono já foi marcada para o dia 1.º de março.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.