Tiroteio durante a madrugada assusta moradores do Paraíso

Dois policiais e um assaltante ficaram feridos na troca de tiros, que começou após tentativa de roubo

Ricardo Valota, do estadao.com.br,

18 de outubro de 2007 | 09h08

Uma tentativa de assalto seguida de tiroteio levou pânico aos moradores da região do Paraíso, na zona sul da capital paulista, no final da noite de quarta-feira, 16. Por volta das 22h45 quando três pessoas que estavam em um carro foram roubados por um homem quando estacionavam o veículo na Rua José Antonio Coelho. Armado com um revólver calibre 38, o mecânico Joel Ricardo Godinho, de 39 anos, tomou as chaves do carro e tentou dar a partida, mas não conseguiu. Irritado, pois as vítimas já estavam a uma distância grande, o criminoso resolveu correr atrás dos três. Dois policiais, à paisana, que passavam pelo local testemunharam a perseguição e dispararam contra o assaltante. Atingido, ele caiu na calçada e foi detido. Em seguida, os policiais foram atingidos por tiros disparados de um veículo que passou em alta velocidade pelo loca. A dupla de policiais teve que ser encaminhada ao pronto-socorro do Hospital São Paulo. O assaltante Marcelo Fagundes do Nascimento também deu entrada no hospital com ferimentos e foi reconhecido pelos policiais. O criminoso acabou sendo preso em flagrante, mas teve de passar antes por uma cirurgia para retirada da bala. Nascimento é foragido da Justiça e Godinho já tinha passagem por roubo, de acordo com a Polícia Militar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.