Time do Santos é homenageado em estação do Metrô de SP

Com mudança, é inaugura uma exposição do time na Estação Imigrantes; Pelé dá autógrafos a fãs no local

Ana Luísa Westphalen, da Agência Estado,

04 de novembro de 2008 | 14h30

A Estação Imigrantes, na linha 2 - Verde do Metrô, passa a se chamar, a partir desta terça-feira, 4, "Santos-Imigrantes", em homenagem ao time da Vila Belmiro. A parceria firmada entre o Metrô e a diretoria do Santos Futebol Clube tem como objetivo transformar o local em atração turística e promover mostras culturais sobre o clube. De acordo com o Metrô, a mudança atende a uma antiga reivindicação dos torcedores da capital.   Foto: Valéria Gonçalvez/AE  Pelé dá autógrafo na inauguração da exposição 'Santos Sempre Santos' na Estação Santos-Imigrantes   A estação, que transporta diariamente cerca de 12,5 mil passageiros, fica próxima à Rodovia Imigrantes, que dá acesso ao litoral paulista. Nesta terça, foi inaugurada a exposição "Santos Sempre Santos", composta por 18 painéis fotográficos que retratam as décadas de 50, 60 e 70, tendo como destaque o principal ídolo santista, Edson Arantes do Nascimento, o Pelé. Além disso, estarão expostos os uniformes utilizados desde o início do clube até os anos 90. O horário de funcionamento é o mesmo da Estação Santos-Imigrantes, das 4h40 até a meia-noite.   Outros clubes paulistas já foram homenageados pelo Metrô. Na Linha 3 - Vermelha, a Estação Itaquera tornou-se Corinthians-Itaquera, enquanto a Barra Funda, na outra extremidade, foi batizada de Palmeiras-Barra Funda.   Na Linha 1 - Azul, a Estação Tietê teve seu nome alterado para Portuguesa-Tietê. Segundo o Metrô, até 2010, previsão para conclusão das obras da futura linha 4 - Amarela, será criada a Estação São Paulo-Morumbi.

Tudo o que sabemos sobre:
Metrô de SPSantos-ImigrantesPelé

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.