Pedro da Rocha/AE
Pedro da Rocha/AE

Tentativa de roubo a motel acaba frustrada pela PM na zona oeste de SP

A polícia realizou buscas nos 53 quartos do local a procura dos criminosos, mas ninguém foi preso

Pedro da Rocha, do estadão.com.br,

04 de maio de 2012 | 06h18

SÃO PAULO - Clientes do Motel Deliriu´s, na Barra Funda, zona oeste de São Paulo, foram surpreendidos no começo da madrugada desta sexta-feira, 4, com tiros e a revista da polícia quarto a quarto. Uma tentativa de assalto ao estabelecimento por quatro homens armados acabou frustrada pela Polícia Militar (PM). Os bandidos conseguiram fugir, mas sem levar nada, e ninguém ficou ferido.

 

O capitão das Rondas Ostensivas Tobias Aguiar (Rota), Gentil Carvalho, contou que os quatro criminosos chegaram, por volta de 00h30, pela entrada da Rua Dr. Edgar Teotônio Santana, ameaçaram a funcionária que estava atrás do guichê de recepção e chutaram a porta de entrada. A PM, então, foi acionada.

 

"Quando a primeira viatura de área chegou, viu os suspeitos na entrada. Um deles atirou contra a viatura e correu de volta para dentro do estabelecimento", disse Carvalho. O reforço foi chamado e o quarteirão cercado.

 

O gerente do motel, Márcio Louzada, contou que os assaltantes correram de um lado para o outro em busca de uma rota de fuga. "Eles então arrombaram uma porta lateral (com saída para a Rua Dr Moisés Kahan). Acho que foi por ali que fugiram", relatou Louzada.

 

Teve início, então, a revista do motel de 53 quartos pela PM. "Nossa grande preocupação era a possibilidade de haver refém", ponderou o capitão da Rota. Após a gerencia do motel avisar aos clientes que haveriam buscas, os policiais confrontaram os registros de entrada com as pessoas presentes nos dormitórios. "Encontramos, inclusive, um rapaz sozinho. Parecia suspeito alguém solitário no motel, mas uma funcionária confirmou que ele era cliente assíduo e sempre entrava sem companhia", contou Carvalho.

 

Por volta de 3h20, depois de cerca de 1h15 de revista, a polícia encerrou as buscas sem encontrar nenhum suspeito. O caso foi encaminhado ao 7º Distrito Policial (DP), da Lapa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.