Jessica Aquino/Estadão
Jessica Aquino/Estadão

Temporal isola turistas em Maresias e interdita trechos da Rio-Santos

Chuva forte alagou ruas e avenidas das quatro cidades do litoral norte - São Sebastião, Ubatuba, Ilhabela e Caraguatatuba

Reginaldo Pupo, Especial para o Estado/O Estado de S. Paulo

23 Dezembro 2014 | 23h04

SÃO SEBASTIÃO - Um temporal que atinge o litoral norte desde a madrugada desta segunda-feira, 22, deixou turistas isolados na praia de Maresias, em São Sebastião, no litoral norte de São Paulo. A queda de uma barreira na altura da Praia de Paúba e de árvores na Serra de Boiçucanga impediu o tráfego de carros e causou congestionamento. Não há energia elétrica em Maresias e em alguns bairros da região sul da cidade de São Sebastião. Operadoras de telefonia celular também estão fora do ar. 

A chuva forte alagou ruas e avenidas das quatro cidades do litoral norte - São Sebastião, Ubatuba, Ilhabela e Caraguatatuba - e interditou diversos trechos da Rodovia Rio-Santos. Na região sul de São Sebastião, uma árvore caiu; na Serra de Boiçucanga, várias barreiras também impedem o tráfego. 

Na praia de Maresias, a enxurrada invadiu casas e estabelecimentos comerciais. No trecho de serra do bairro, a água cobriu completamente vários trechos nos dois sentidos da pista. 

Também foram registradas quedas de árvores e de barreiras em todo o trecho paulista da Rio-Santos, que vai de Bertioga até Ubatuba. Ao menos 17 pessoas estavam desalojadas até o início da tarde desta terça-feira, 23, em São Sebastião, mas, à noite, outros moradores tiveram de deixar suas casas. 

Turistas que se dirigiam às praias da costa sul de São Sebastião, especialmente Maresias, estavam na estrada aguardando a liberação da rodovia. Visitantes que deixariam a região para retornar a São Paulo tiveram que estender a hospedagem em hotéis e pousadas em fundação da interdição da rodovia. 

A Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros encontraram dificuldade para chegar aos locais alagados. A chuva também dificultou a montagem da estrutura para receber o campeão mundial de surf, Gabriel Medina. Jornalistas de várias partes do Brasil e de outros países também estão ilhados em Maresias. 

Em Ubatuba, ruas das praias Perequê-Açu, Praia Grande, Itaguá e também do bairro Estufa 2 estão alagadas. Em Caraguatatuba, todos os bairros estão com suas ruas alagadas.

Na capital. Em São Paulo, a chuva também causou estragos e dificultou a saída do paulistano para as festas de fim de ano. A cidade teve 33 árvores caídas e crateras

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.