Temporal castiga ABC, alaga avenidas e para linha de trem

Na capital, onde também choveu forte no fim da tarde, a Radial Leste e pelo menos outros 12 locais ficaram alagados

O Estado de S.Paulo

09 Janeiro 2013 | 02h01

A chuva que atingiu a Região Metropolitana de São Paulo no fim da tarde de ontem castigou principalmente a região do ABC. O centro de Mauá e a Avenida dos Estados - principal artéria da região - ficaram alagados. A Linha 10-Turquesa da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) ficou paralisada. Na capital, foram registrados 13 pontos de alagamento, sendo a Radial Leste o mais crítico.

Ainda na capital, o Ribeirão dos Meninos transbordou no Ipiranga, zona sul, complicando o trânsito na Avenida Guido Aliberti e na Estrada das Lágrimas, ambas rotas de trabalhadores que moram no ABC. Na zona leste, o problema foi o transbordamento do Rio Aricanduva, que deixou intransitáveis até as 21h as Avenidas Aricanduva e Ragueb Chohfi e a Rua Manilha.

Outro ponto de alagamento, ainda na zona leste, foi a Avenida Professor Luís Inácio de Anhaia Melo, na esquina com a Rua Maria Daffre. Lá, entretanto, os carros conseguiam passar pela água, embora em velocidade reduzida.

O trânsito ficou acima da média apenas às 20h: 71 quilômetros de lentidão - a média para o horário e o período do ano, com rodízio municipal suspenso, é de 61 km. Até a chuva começar, os congestionamentos haviam passado o dia todo abaixo da média, segundo dados da Companhia de Engenharia de Tráfego.

CPTM. Passageiros da CPTM com destino ao ABC só puderam fazer o trecho entre o Brás, na região central da capital, e São Caetano do Sul. Usuários que desceriam em Santo André, Mauá e Ribeirão Pires foram orientados a procurar ônibus para seguir viagem. Houve registro de pontos de alagamento também em Santo André, São Bernardo do Campo e Diadema.

A previsão para a Grande São Paulo é de mais chuva pelo menos para os próximos três dias. As temperaturas ao longo do dia devem ficar altas, na casa dos 31º C, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o que favorece a formação de nuvens por causa da alta umidade do ar nesta época do ano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.