Fabiano Maia/JORNAL DE JUNDIAI
Fabiano Maia/JORNAL DE JUNDIAI

Temporais deixam 7 mortos na capital e no interior de SP

Entre as vítimas estão pai, mãe e 2 filhas soterrados em Jundiaí, sem-teto afogado sob viaduto e motorista arrastada pela enxurrada

Tatiana Fávaro, O Estado de S.Paulo

07 Janeiro 2011 | 00h00

As chuvas de anteontem e ontem fizeram vítimas na capital e no interior de São Paulo. Em Jundiaí, uma família inteira morreu soterrada após deslizamento de terra no Jardim São Camilo. Em Limeira, uma mulher de 31 anos morreu depois que o carro em que estava ser arrastado pelas águas e, em Santa Bárbara D"Oeste, um homem foi levado por um córrego. Em São Paulo, um morador de rua morreu afogado enquanto dormia sob um viaduto na Lapa, zona oeste.

Segundo a Defesa Civil de Jundiaí, pai, mãe e duas filhas, de 4 e 9 anos, dormiam quando parte do barranco caiu sobre a casa. A família estava em área de risco. Equipes do Corpo de Bombeiros trabalharam no lugar durante a madrugada e o último corpo foi encontrado por volta de 4h30.

"Foi horrível, porque o bairro virou uma loucura, todo mundo ficou desesperado e ninguém conseguia fazer nada", disse a vendedora Maria Angélica dos Santos Siqueira, de 36 anos.

A prefeitura de Jundiaí informou ontem que famílias em mais seis casas em situação de risco serão removidas para abrigos. No ano passado, 40 famílias foram retiradas do Jardim São Camilo. A prefeitura disse ainda que realiza obras de contenção de taludes e está desenvolvendo um projeto para a construção de casas para a população do bairro.

No Jardim Balsan, seis moradias foram interditadas e, no Jardim Sorocabana, a água subiu 2 m e alagou 178 casas. Apenas entre 22h de quarta e 2h de ontem, choveu quase 1/3 do esperado para o mês inteiro em Jundiaí.

Os bombeiros de Limeira encontraram, na tarde de ontem, o corpo de uma mulher, de 31 anos, que morreu após o carro em que estava ser arrastado pelas águas do Ribeirão Tatu, que transbordou. O corpo estava a 10 km do local em que o veículo sumiu. Em Santa Barbara d"Oeste, o corpo de um homem, de 31 anos, foi encontrado pelos bombeiros. Ele teria apostado, na segunda-feira, que conseguiria atravessar a nado o Ribeirão do Toledos, mas acabou arrastado. O corpo foi encontrado 5 km adiante.

São Paulo. Na capital, por volta das 21h30 de anteontem, um morador de rua foi encontrado morto, com sinais de afogamento, embaixo do Viaduto Comendador Elias Nagib Breim, na Lapa, zona oeste. Segundo a polícia, o homem aparentava 35 anos, foi encontrado sem documentos e o corpo não tinha sinais de agressão. / COLABORARAM NATALY COSTA, ANA BIZZOTTO e PEDRO DA ROCHA

BALANÇO

São Paulo: 12 mortos, 11 feridos, 4.193 desalojados e 1.128 desabrigados em 54 cidades do Estado desde o início da Operação Verão, a partir de 1º de dezembro.

Campinas: 23 cidades da região em estado de atenção.

Sumaré: 3.928 desalojados e 147 desabrigados.

Vale do Paraíba: 1,7 mil famílias ameaçadas em 8 cidades.

Atibaia: 103 desabrigados e 317 desalojados.

Rio: 18 mil imóveis em 117 comunidades estão em áreas de risco.

Minas: 16 mortos no Estado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.